29.01.2021

Seguro de vida: conheça as principais coberturas

Ao contratar um seguro de vida, você tem a tranquilidade de saber que está investindo em seu maior patrimônio: a sua família.

O seguro de vida tem por objetivo oferecer segurança financeira para as pessoas que dependem de você. Em caso de morte natural ou acidental do segurado, a seguradora se compromete a pagar uma indenização aos beneficiários da apólice. O seguro também pode garantir uma quantia ainda em vida, caso ocorra invalidez por acidente ou doença.

Há ainda possibilidade da contratação de um valor de indenização em caso de diagnóstico de doenças graves. Ao tomar ciência do diagnóstico, o segurado recebe a quantia contratada para realizar o tratamento.

O pagamento da indenização do seguro de vida é isento de Imposto de Renda – e em caso de morte do segurado, é feito independentemente do inventário ou da partilha de bens entre os herdeiros. A maioria dos seguros também contemplam assistência funeral.

Como escolher a indenização do seguro de vida?
Uma dica ao escolher a apólice do seguro de vida é buscar um valor próximo a 60 vezes da renda mensal da família – pois, geralmente, 60 meses é o período que precisamos para nos ajustar financeiramente a imprevistos.
Coberturas possíveis do seguro de vida:
Morte e morte acidental: Os beneficiários recebem o valor segurado para a cobertura.

Morte com extensão ao cônjuge: Assegura o pagamento de 50% do valor para a segurada, no caso de falecimento do(a) cônjuge.

Invalidez Permanente Total ou Parcial Por Acidente: Em caso de acidente pessoal que provoque lesão física, redução ou impotência funcional definitiva de membros ou órgãos, a segurada receberá o valor para a cobertura.

Invalidez Permanente Parcial por Acidente Majorada*: Garante o pagamento de 100% do valor segurado para a cobertura de acidentes com lesão nos órgãos ou membros majorados, causando invalidez parcial. *Cobertura disponível para pessoas que exerçam a profissão de médico ou dentista.

Doenças Graves: O segurado receberá um pagamento da seguradora para ajudá-lo durante o tratamento, caso houver diagnóstico em estágio avançado de alguma das doenças abaixo:

• Acidente Vascular Cerebral;
• Cirurgia Coronariana;
• Insuficiência Renal Crônica;
• Neoplasia (diagnóstico de Tumor Maligno);
• Transplante de Órgãos Vitais: coração, fígado, medula óssea, pâncreas e pulmão. Desde que seja comprovado como único recurso para a recuperação do órgão afetado.

Diária por Incapacidade Temporária: Em caso de afastamento do serviço, ocasionado por doença ou acidente pessoal, a cobertura garante o pagamento de diárias pelo período que não puder trabalhar.

Funeral Individual: No caso de morte do segurado, a família não precisará se preocupar com as despesas do funeral. A seguradora cuida da prestação direta do serviço de sepultamento ou do reembolso.

Há seguros de vida que são ainda mais completos e contam até com seguro viagem, quitação de dívidas e de despesas educacionais. Dessa forma, o seguro de vida é uma maneira de garantir que as pessoas que dependem de você ficarão amparadas, mesmo que em um momento difícil. Por isso, é importante escolher o seu com cautela.